O piso laminado e o cupim

Uma das características do piso laminado é a praticidade. Muitas pessoas optam pelo revestimento devido a correria do dia a dia e na busca de conforto e facilidade da limpeza do mesmo, acabam instalando em seu imóvel.

O que muita gente não sabe e não faz, é que antes de instalar o piso, recomenda-se que seja feita uma análise do ambiente para detectar a presença de cupins no local.

Caso haja foco do inseto, é preciso fazer a descupinização para depois instalar o piso.

O piso laminado é feito de muita celulose e isso é considerado um “brigadeiro” para o inseto, daí a importância de fazer esse preparo antes da instalação.

Existem no mercado vários venenos eficazes para o tratamento antes da instalação do piso, e de fácil aplicação.

Agora, se você notar a presença destes invasores no seu laminado já instalado, o correto é chamar uma empresa especializada no assunto para combater a praga.

Uma dica importante para saber se existe a presença deles, é observar os rodapés, se ao tocar não se apresentam fofos, ocos, ou ainda notar a presença de granulados bem fininhos ao varrer o ambiente.

Também existem dicas caseiras, mas elas funcionam se o ninho de cupins for pequeno.

A primeira dica é o óleo de cravo. O óleo de cravo pode ser encontrado em lojas de produtos naturais ou farmácias de manipulação, sendo eficaz para acabar com os cupins no início da infestação. A medida é de 100 ml de água para dez gotas de óleo de cravo. No lugar da água, também pode ser utilizado óleo de coco.

Outra dica é o ácido bórico. O ácido bórico é considerado um dos remédios caseiros mais eficazes contra cupins, independente do tamanho da infestação. Porém, assim como ele é um grande veneno para os insetos, ele é também para o ser humano. Dessa forma, qualquer aplicação deve ser feita utilizando luvas e máscaras.

Deixe uma resposta